Projeto elaborado pela Ethnos ganha destaque nas redes sociais

Feliz ano novo!!!
dezembro 25, 2016

Um projeto que conta com a marca da Ethnos Socioambiental vem se destacando nas redes sociais. Trata-se do projeto Vereda das Águas, executado pelo Conselho dos Índios Tremembé do Córrego das Telhas – CITCT, localizado em Acaraú/CE. A experiência com utilização de tecnologias sociais de captação de água da chuva (cisternas) e de saneamento ecológico foram compartilhadas no site do programa Tremembé Sustentável, outra iniciativa idealizada pela Ethnos.

O projeto é apoiado pelo Fundo Socioambiental Casa, instituição não-governamental que apoia iniciativas de cunho socioambiental voltados para agricultura familiar e agroecologia, populações tradicionais e a defesa de direitos dessas populações.

Ontem, em comemoração ao dia mundial da água, a página do Fundo Casa usou o projeto desenvolvido na comunidade indígena como exemplo de iniciativa sustentável no uso e reuso da água. A apresentadora do canal GNT, Bela Gil, comentou e compartilhou o post que relata as atividades desenvolvidas no âmbito do projeto Vereda da Águas, ressaltando a importância das tecnologias sociais que levam água e comida para as comunidades indígenas e sertanejas do Nordeste brasileiro.

Print do post compartilhado pela página do Fundo Casa e da apresentadora Bela Gil Fonte: Divulgação

 

Vereda das Águas

O projeto Vereda das Águas visa assegurar a sustentabilidade hídrica, sanitária e ambiental da unidade de beneficiamento de frutas da comunidade Tremembé de Telhas. localizada na terra indígena Córrego João Pereira, por meio de estruturas de captação e armazenamento de água e na destinação ecologicamente sustentável dos efluentes produzidos no local.

Além do sistema de tratamento ecológico citado acima, o projeto também proporcionou a construção de duas cisternas para captação das águas das chuvas, com capacidade total de 104 mil litros de água. A água armazenada garante o funcionamento da unidade produtiva no período mais seco do ano. As ações do projeto Vereda das Águas visam agregar valor aos produtos indígenas beneficiados na unidade a partir do viés da sustentabilidade socioambiental. No local, os Tremembé produzem desde bolos diversos e tapiocas, que vão para a merenda escolar do município de Acaraú, até doces, geleias, melado de caju e a cajuína orgânica Tremembé, produzida a partir de conhecimentos tradicionais.

A Ethnos Socioambiental, que apoia o desenvolvimento comunitário de povos e comunidades tradicionais desde seu nascedouro, colaborou na elaboração e na assessoria técnica do projeto. Para mais informações, acesse aqui.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *